Após regulamentação da Anvisa, remédio à base de maconha será vendido em farmácias

Nesta terça-feira (03) a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou a regulamentação do uso medicinal da maconha no Brasil. A partir de agora os medicamentos feitos a partir da cannabis terão que se sujeitar à vigilância sanitária e poderão ser vendidos em farmácias.

A regulamentação, que aponta requisitos e padrões de qualidade, é temporária e deverá ser revista em três anos, já que o atual estágio científico do produto ainda é considerado inicial mundialmente.

Ela também  impede que a cannabis seja manipulada em farmácias de manipulação. A comercialização ocorrerá apenas em farmácias e drogarias sem manipulação, que venderão mediante prescrição médica.

As empresas também precisarão ter autorizações da Anvisa e certificados de boas práticas de fabricação, entre outros documentos. A prescrição é de responsabilidade do médico, que deve respeitar regras em relação à concentração de THC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *